Destaque CCJ

10º PRÊMIO CINECLUBE JACAREÍ - CORVO DE GESSO 2017



FINAL DAS INSCRIÇÕES: 20 DE JULHO DE 2017

FAÇA SUA INSCRIÇÃO CLICANDO NOS LINKS ABAIXO:

FICHA DE INSCRIÇÃO (Clique Aqui)

REGULAMENTO (Clique Aqui)


-CURTA E SIGA O CINECLUBE JACAREÍ E CORVO DE GESSO NAS REDES SOCIAIS:

https://www.facebook.com/CineclubeJacarei/

https://www.facebook.com/CorvoDeGesso/

https://www.youtube.com/user/cineclubejacarei


-Saiba sobre o Cineclube Jacareí

cineclubejacarei@gmail.com

O projeto Cineclube Jacareí existe desde 2007. Com cinco anos de existência, tem uma missão nesta cidade. O dever de repartir com as pessoas o desejo de ver, informar-se e aprender sobre filmes e o cinema.

O inovador projeto Cineclube Jacareí atinge esse ano mais de cento e oitenta sessões do "Cinema de 5ª". Mostrando filmes independentes de cineastas locais e do Brasil. Preparou e entregou mais de cinqüenta estatuetas nas edições do anual "Prêmio Corvo de Gesso". Além de ter produzido centenas de filmes através da "Corvo Produções".

O projeto Cineclube Jacareí é pioneiro na região do Vale do Paraíba. Único grupo de trabalho que realiza a tríplice função no movimento audiovisual: produzir, exibir e premiar os filmes amadores, independentes e feitos em casa. Continuaremos a desfrutar dessa arte.



8 de dez de 2012

189ª Exibição - 22 de novembro de 2012

A sessão diretores em novembro é o derradeiro Cinema de 5ª do ano. Recheada de curtas e um longa escolhido a dedo, a projeção vem acompanhada de um brinde ao cumprimento das metas em todo processo de exibição durante o ano. Fecha-se o circuito da programação presidida em 2012.

“Fanzine” foi o vídeo produzido por Níkolas Araújo diante de uma das reuniões dos membros do projeto. É um plano seqüência do momento em que todos separam os exemplares do periódico No Bico do Corvo distribuído pelo Cineclube Jacareí.

“Então é Natal” é um trabalho do criativo Vini Trash sobre o bom velhinho. Odiado pelos pobres cuspidos ao vê-lo presentear só os ricos.

“Os Meus Pensamentos São Os Cavalos da Morte” dirigido pela mente perturbada de Elias Pacheco. Molde da revelação cinematográfica trash desse ano.

“No Ar” é mais uma peça genial do insuportável talento de Níkolas Araújo em seus dias de inspiração para cumprir tabela.

Alan Parker é o diretor Britânico que dirigiu belos filmes como por exemplo “Pink Floyd – The Wall” (1982). Uma obra prima e épica do resultado frio que o mundo teve de suas guerras até então.

O longa “Coração Satânico” (Angel Heart) foi o escolhido dentre as produções dele por ser um filme intrigante. É um daqueles filmes que continuam na sua cabeça mesmo horas depois da sessão terminar.
Conta a história de um cara em busca da sua própria identidade. Porém é o próprio Lucifer quem lhe dá toda a identidade, uma vez que fizeram um pacto de alma.


Os vencedores da noite no sorteio foram Teresinha Sueli, Lucas Plesky e Andressa Decarla. Parabens sortudos!