Destaque CCJ

10º PRÊMIO CINECLUBE JACAREÍ - CORVO DE GESSO 2017



FINAL DAS INSCRIÇÕES: 20 DE JULHO DE 2017

FAÇA SUA INSCRIÇÃO CLICANDO NOS LINKS ABAIXO:

FICHA DE INSCRIÇÃO (Clique Aqui)

REGULAMENTO (Clique Aqui)


-CURTA E SIGA O CINECLUBE JACAREÍ E CORVO DE GESSO NAS REDES SOCIAIS:

https://www.facebook.com/CineclubeJacarei/

https://www.facebook.com/CorvoDeGesso/

https://www.youtube.com/user/cineclubejacarei


-Saiba sobre o Cineclube Jacareí

cineclubejacarei@gmail.com

O projeto Cineclube Jacareí existe desde 2007. Com cinco anos de existência, tem uma missão nesta cidade. O dever de repartir com as pessoas o desejo de ver, informar-se e aprender sobre filmes e o cinema.

O inovador projeto Cineclube Jacareí atinge esse ano mais de cento e oitenta sessões do "Cinema de 5ª". Mostrando filmes independentes de cineastas locais e do Brasil. Preparou e entregou mais de cinqüenta estatuetas nas edições do anual "Prêmio Corvo de Gesso". Além de ter produzido centenas de filmes através da "Corvo Produções".

O projeto Cineclube Jacareí é pioneiro na região do Vale do Paraíba. Único grupo de trabalho que realiza a tríplice função no movimento audiovisual: produzir, exibir e premiar os filmes amadores, independentes e feitos em casa. Continuaremos a desfrutar dessa arte.



24 de jul de 2009

Biografia Zhang Ziyi



Nascida em Pequim, capital da República Popular da China, Zhang Ziyi é filha de um economista e de uma professora.
Antes de ficar famosa no cinema, Zhang Ziyi estudou danças tradicionais chinesas. Aos nove anos, foi matriculada na escola Xuanwu, e dois anos depois, na Academia de Dança de Pequim. Aos 15, porém, decidiu mudar de carreira e passou a cursar artes dramáticas. Aos 17 anos, começou a freqüentar a Academia Central de Drama em Pequim. Ao mesmo tempo, atuou como modelo e fez alguns comerciais.
Seu primeiro filme foi gravado em 1996, Touching Starlight (sem tradução em português). Feito para a televisão chinesa, foi baseado em uma história real: uma jovem dançarina perde o movimento das pernas e decide criar um programa de rádio para incentivar outros portadores de deficiências físicas.
Em 1999, aos 19 anos de idade, ela teve o primeiro trabalho com um diretor reconhecido internacionalmente, Zhang Yimou, no filme O Caminho para Casa, ganhador do Urso de Prata no Festival de Berlim de 2000, onde interpretou Zhao Di, uma camponesa que se apaixona por um professor da cidade que veio dar aulas no vilarejo onde morava.
Sua carreira recebeu um forte impulso em O Tigre e o Dragão, de 2000, filme de artes marciais dirigido por Ang Lee, onde viveu uma aristocrata pouco ortodoxa, Jen Wu. Ela contracenou com Chow Yun-Fat e Michelle Yeoh.
Sua primeira aparição em um filme produzido por Hollywood foi no papel de Hu Li no filme A Hora do Rush 2, com Jackie Chan, de 2001. No mesmo ano fez filmes de pouca repercussão internacional: o chinês The Legend of Zu e a superprodução coreana Musa (ambos sem tradução em português).
O sucesso seguinte viria no filme Herói, de 2002, onde viveu a aprendiz de artes marciais Lua. Contracenou com Jet Li, Tony Leung Chiu-Wai e Maggie Cheung.
Em 2003 fez o papel da guerrilheira Ding Hui no filme Borboleta Púrpura, que narra a atuação da resistência à ocupação japonesa na China dos anos 30. Também gravou uma participação especial na produção coreana My Wife is a Gangster 2.
No ano seguinte, 2004, participou de três filmes. O mais conhecido no Brasil é O Clã das Adagas Voadoras, produção de artes marciais dirigida por Zhang Yimou, onde interpreta Mei, uma dançarina cega. Também fez a prostituta de luxo Bai Ling em 2046, continuação de Amor à Flor da Pele, ambos de Wong Kar-Wai. Por fim, gravou Três Gerações, Um Destino, interpretando três gerações de mulheres - mãe (Mo), filha (Li) e neta (Hua).
Em 2005, Zhang Ziyi ganhou o papel de protagonista em Memórias de uma Gueixa, dirigido por Rob Marshall e rodado nos EUA. Baseado no livro de Arthur Golden, narra a história da garota Chiyo, que é vendida para uma casa de gueixas e, anos depois, se transforma na lendária gueixa Sayuri. No mesmo ano fez a produção musical japonesa Operetta Tanuki Goten.
Seu último trabalho já concluído é The Banquet, de 2006, ainda não lançado no Brasil.
Ela também estará em breve no novo episódio da animação As Tartarugas-Ninja (atualmente em fase de pós-produção), dublando uma das personagens, e no filme The Horseman, co-estrelando com Dennis Quaid (em filmagem).